SEBASTIANA

        
 
 
 
 
 
EXISTEM POEMAS DIVERSOS
QUE CANTAM NOME DE MULHER
MAS UM NÃO CANTADO
FEITO VERSO, OU PROSEADO
 
É SEBASTIANA. SIM, SEBASTIANA
 
NOME SIMPLES, SEM APRESENTAÇÃO
PRONUNCIADO SEM AMOR
POR QUEM NO CORAÇÃO
NÃO SENTIU SEU CALOR
 
SEBASTIANA.. SEBASTIANA...
 
NOME QUE ORA LEMBRADO
VEM A SER O ESTOURO, A FAMA
TORNA-SE NOME PROCURADO,
CANTADO...

E REI NO BATIZADO
 
SIM, SEBASTIANA. É SEBASTIANA
 
NOME AGORA EM ASCENSÃO
ESTOUROU EM ETERNA GLÓRIA
TORNOU-SE DE VERSO EM CANÇÃO
TRANSFORMOU-SE ATÉ EM HISTÓRIA
 
SEBASTIANA... SEBASTIANA...
 
QUIÇÁ O TIVESSE GUARDADO
DE TODO ESTE GRANDE APOGEU
ESCONDIDO EM MEU SER
O QUANTO TENHO DELEITADO
 
SEBASTIANA. SIM, SEBASTIANA

TODO APOGEU, TEM SEU FIM
TODA GLÓRIA, SEU MARTÍRIO
TODA CANÇÃO, SUA NOTA FINAL
TODO NOME, SEU IDÍLIO
 
SEBASTIANA... SEBASTIANA...
 
SEU  NOME, QUANDO OUTRORA
PRONUNCIADO APENAS POR MIM
COM O CARINHO D'ALMA
E O CORAÇÃO A PALPITAR
SEBASTIANA... SEBASTIANA...
MINHAS CONTINUARIAS A SER
CASO FOSSE O MUNDO INEXISTENTE
COMO INEXISTENTE ERAS
ANTES DE TER SEU NOME RELEMBRADO
SIM, SEBASTIANA. É SEBASTIANA
SEU NOME, AGORA TÃO DECANTADO,
EM M1M, FINDA, QUASE ESQUECIDO
PRONUNCIADO E POR TODOS ADORADO
O QUE SINTO, NÃO SEI

DIGO APENAS,
SEBASTIANA. ADEUS, SEBASTIANA.

 

Ramoore

 

Voltar

 

Página Principal