Sombras de um passado...




Liberto minh’alma entre o sim e o não
Sem fugir dos braços abraço da lua
De amores passados encontro a razão
Na saudade sinto de sua pele nua...

Escondo no branco a cor do desejo
Amargo da solidão criar falsete
Em lábios de rugas a falta do beijo
Travestido no cinza sem aceite...

Busco do arco-íris criar fantasia
No céu de meu outono sentindo o sol
Longe de seus olhos nasce heresia...

Encontro da noite a cor escondida
Em tons esquecidos de ser arrebol
Olho no refluxo vir nossas vidas...



Ramoore

 

Voltar


 

Página Principal